Prevenção à obesidade infantil começa antes da criança nascer

Posted on Jun 19 2012 - 7:39am by Mamães.net

A obesidade infantil é um problema que começa a atingir níveis preocupantes. Estima-se que no Brasil o número de crianças obesas tenha aumentado cinco vezes nos últimos 20 anos, atingindo, atualmente, 10 por cento das crianças. Por isso, o combate à obesidade infantil tem de ser visto como uma prioridade e levado a cabo mesmo antes da criança nascer.

 
A alimentação é o primeiro passo a dar para travar a obesidade infantil e as preocupações com a alimentação devem começar desde logo, durante a gravidez. Um cardápio variado e saudável é o princípio de uma gravidez sã, que resulta em benefícios para a mãe e para o seu bebé. É preciso não esquecer que uma boa alimentação depende mais da variedade e qualidade do que da quantidade dos alimentos.

Para manter uma alimentação equilibrada deve-se consumir alimentos ricos em ferro (como a carne vermelha, fígado, vegetais de folhas verdes escuras, etc.), juntamente com alimentos ricos em vitamina C (frutas cítricas) que ajudam à absorção do ferro. Deve-se comer fruta e legumes variados, para obter vitaminas e minerais e consumir leite, queijos e iogurtes, três vezes por dia, para obter cálcio. Além disso, é obrigatório beber pelos menos dois litros de água por dia.

Outro passo importante é eliminar comportamentos de risco como fumar durante a gravidez. É que à lista dos malefícios do tabaco durante a gravidez, junta-se a obesidade infantil , segundo estudos recentes que apontam para uma relação entre o fumo e o peso da criança na infância e adolescência.

 
Mantendo estes princípios, não só durante a gravidez, como ao longo da vida, será muito mais fácil prevenir a obesidade infantil, porque as crianças tendem a imitar os pais. É mais um bom hábito, a juntar a todos os outros, que permite fazer dos nosso filhos pessoas mais saudáveis e, por conseguinte, mais felizes.