Como manter a coloração dos cabelos na gravidez?

by Mamães.net on September 5, 2012

 

Beleza e saúde andam sempre lado a lado. Muitas vezes, conciliá-las pode ser tarefa difícil, sobretudo durante a gravidez. É o caso da questão de colorir ou não os cabelos durante a gestação. O tema divide os especialistas em dois grupos: o dos médicos que liberam a coloração dos cabelos e o dos que não indicam nem mesmo o uso de tinturas no pós-parto.

 

 

Só há um ponto em comum entre os dois grupos, ambos não recomendam colorir os cabelos durante os três primeiros meses da gestação. A explicação, segundo os especialistas, é que as colorações possuem metais pesados em sua fórmula, bem como a temida amônia, que pode estar diretamente relacionada a casos de abortos. Por isso, mantenha distância das colorações pelo menos no primeiro trimestre da gravidez.

 

Publicidade - LAMG

A partir do terceiro mês de gestação alguns médicos liberam o uso de produtos com fórmulas mais suaves e sem amônia, que não prejudicam o feto. Nesse caso, vale recorrer aos tonalizantes das marcas L’Oréal Paris, C. Kamura, Wella, Beauty Color e Henna, que ajudam a realçar a cor e brilho dos fios, além de serem produtos ideais para fazer reflexos e disfarçar os fios brancos.

 

 

Quem ainda tem receio de investir na coloração dos cabelos durante a gravidez, uma boa opção é evitar aplicar produtos diretamente no couro cabelo, onde a absorção da química pelo organismo é mais rápida.

 

Opte por colorir somente o comprimento dos fios! Busque inspiração nas famosas e faça o ombré hair. Se preferir, também é possível fazer luzes no comprimento dos cabelos, ajudando a iluminar o rosto.

 

 

Porém, nunca passe colorações nos fios durante a gravidez sem consultar um médico, que analisará o caso e verificará a possibilidade de liberar o uso de produtos químicos de forma a manter sua beleza e saúde do bebê.

Anterior:

Seguinte:

Deixe um comentário