Fala, mamãe: Quem gosta da hora do banho?

Posted on Sep 28 2012 - 6:44am by cristina.castillo@pannacottagroup.com

 

 

 

Quem gosta da hora do banho? Todo mundo, né? Nossa, como é bom, depois de um dia cheio, tomar um banho que lava a alma. Ou pra acordar de manhã, nada melhor que a água pra nos dar energia. Com os bebês também é assim.

 

Sempre ouvi muitas meninas dizerem que tinham um certo medo de dar banho nos bebês recém-nascidos e que deixavam para outras pessoas (babá, avó, etc…) esse momento. A minha campanha aqui é: Mães, vamos dar banho nos nossos bebês!

 

 

Quando o Theo nasceu, eu comecei dando banho naquela banheira tradicional, que a gente segura o bebê de barriga pra cima, e depois vira. Além de achar aquilo um trambolho, percebi que o bebê não se sentia muito seguro ali. Ele esticava os bracinhos parecendo que ia cair e o peito dele não ficava coberto de água.

 

Quando ele tinha uns dois meses, resolvi experimentar o balde. E não é que deu super certo? Esse banho estilo ofurô, parece deixar os bebês mais seguros, felizes, durinhos e dando pulinhos. Talvez por causa da posição ou porque ele fica só com a cabecinha fora da água e flutua como no útero.

 

Nas crianças, a recordação do mundo uterino é mais acessível. Estar na água é estar acolhido, envolvido, sem peso, protegido, em paz. Ela acalma até nossos pensamentos. Por isso eu digo: vamos banhar nossos filhos, fazer do banho uma hora especial, de contato, troca de carinho, brincadeiras, conexão.

 

 

Vamos esquecer o tempo lá fora e aproveitar esse espaço especial estimulando o equilíbrio e a consciência do corpo. Além dos bebês, as crianças maiores podem usar esse momento para brincar com a água. O Theo muitas vezes não quer entrar no banho, mas depois não dá pra tirar o menino de lá.

 

Eu sento ao lado e brinco junto. Às vezes, entro junto na banheira grande, às vezes tomamos os três (o irmão de dois anos também) juntos no chuveiro. O que importa é aproveitar a água, deixa ela absorver tudo e nos levar, água é movimento, é um veiculo de doces sensações e conexão!

 

Beijo,

Dani.

 

Dani Feder é uma super mãe de dois meninos e colaboradora do Mamães.net. Ela escreve todas as sextas-feiras aqui no Fala, Mamãe!