Do começo: Grávida e mamãe de primeira viagem

Posted on Oct 29 2012 - 11:09am by cristina.castillo@pannacottagroup.com
Gravidez! Esse é o assunto do momento, pelo menos para mim e para milhares de gestantes espalhadas pelo país. E em um momento especial como este, nada melhor que ter um cantinho dedicado a este tema escrito por uma mãe de primeira viagem, cheia de dúvidas e descobertas, cheia de vontade de compartilhar experiências.
Sendo assim é melhor eu me apresentar. Eu sou Branca Andrade, jornalista, 27 anos. Sou casada com um príncipe encantado, que não vou revelar o nome, pois a concorrência fica de olho, e estou esperando um novo membro para a família: a Maria Eduarda. Agora estou com 30 semanas de gestação e super ansiosa para conhecer a minha filha.
Como não nos conhecemos desde o início da gravidez, vou fazer uma pequena retrospectiva desta fase que já está quase no finalzinho. Minha gestação foi planejada e desejada. Comecei a tentar em março e em abril já estava lá, o teste de urina com o resultado positivo. Como sou muito ansiosa (já deve ter dado para perceber, já que é a segunda vez que escrevo essa palavra neste texto), dei graças a Deus de não ter passado pela experiência de tentar por muito tempo engravidar. Mas sabemos que a demora faz parte da realidade de muitas tentantes. Então, se você é uma delas e está lendo este texto, não desanime!
Depois do teste de urina foi aquela correria para começar a fazer o pré-natal e confirmar a gestação pelo exame de sangue. Várias ultras depois aqui estou eu, com uma gestação saudável e morrendo de medo do parto. Acho que esse medo faz parte de toda mulher.
Não tive enjoos. Até agora só vomitei uma vez em toda a gestação (e não foi por causa de enjoo), foi resultado de excesso de vitamina de banana com maçã e uma leve deitada na cama. É claro que o líquido ia voltar… Conselho: não deitem depois de comer ou beber muito!
Já engordei 14,4 kg e estou dentro das expectativas, já que essa história de 1kg por mês não é saudável. Depois podemos conversar mais sobre isso, mas resumindo, de acordo com o meu IMC antes da gravidez e o IMC que posso ter até o fim da gestação, a minha faixa de ganho de peso saudável varia de 10kg a 16kg. Ou seja, ainda tenho 2kg aí de vantagem. O fato de ser alta me ajuda bastante, pois todos me dizem que eu só tenho barriga. Fico toda boba!
Sinto muita dor nas costas e o sofá da minha sala virou meu maior inimigo. Nenhuma posição é confortável o suficiente. Já sinto os chutes da Maria Eduarda há um tempinho e a sensação que eu tenho é que ela acha que a minha barriga é um pula-pula. Mas, é muito gostoso sentir ela se mexendo aqui dentro. É quando de fato me dou conta do milagre que é gerar uma vida. É o momento em que eu me sinto mais especial.
Estou tendo muita acne na gestação e a pele deu uma manchada básica, mesmo com a utilização diária de protetor solar FPS 50. Mas, nada que eu não consiga resolver depois que ela nascer. Nessas horas, o importante é pensar que TUDO é por uma boa causa. Meus pés incham, e o sono é meu companheiro de 24h. Devo estar esquecendo de algo, mas o resumo é que, por mais desconfortável que sejam alguns sintomas da gravidez, a expectativa de voltar da maternidade com seu bebê no colo faz qualquer dor ou sofrimento parecer um carinho. Então, se tem um conselho que eu possa dar, é esse: nos momentos difíceis, imagine o seu filho, ou filha, no colo.
Como essa coluna será diária, teremos ainda muito assunto para conversar, como enxoval, exames, ganho de peso, compras, moda gestante, economia gestacional, histórias do cotidiano, etc. Se você acabou de descobrir que está grávida e leu este texto, volte aqui sempre e aproveite para curtir comigo essa fase tão linda. Se você já está com uma gestação mais avançada, continue lendo a coluna, tenho certeza de que teremos muitas histórias em comum. Se você já é mamãe, de primeira, segunda, ou terceira viagem, tenho certeza que teremos muitas dúvidas, e podemos nos ajudar. Temos agora um encontro marcado todos os dias, aqui no Mamães.net. Você, eu, a Maria Eduarda, e as nossas histórias.
Branca Andrade é jornalista e está grávida da primeira filha. Como mamãe de primeira viagem, vai escrever regularmente aqui no Do Começo. Acompanhe!