Do começo: Na onda do faça você mesmo!

Posted on Nov 21 2012 - 10:56am by cristina.castillo@pannacottagroup.com

Estou agora envolvida em um  novo projeto para o quarto da Maria Eduarda: a luminária de teto do quarto. Acho que todo mundo vai concordar, mas as coisinhas de bebês às vezes custam os olhos da cara. E, quando se trata de mimos para decorar o quarto então, aí é que a faca vem afiada e deixa nossos bolsos vazios.

 

Como eu sou adepta do “não ao desperdício”, principalmente de dinheiro que não é capim e não dá em árvore, resolvi colocar a mão na massa e fazer eu mesmo algumas coisinhas para o quarto da Duda. E acabei descobrindo que além de simples até que eu tenho um pouco de talento.

 

Fiz dois vasinhos de flores de fuxico e um móbile de borboletas todo de fuxico para o quarto da Duda. Deu trabalho, mas ficou do jeitinho que eu queria. Coloquei as fotos aqui no post, quem quiser mais dicas é só comentar aqui embaixo que eu respondo. O legal é que dá para fazer com o tecido que você quiser e com as cores que você quiser.

 

 

Agora, nos quarenta e cinco do segundo tempo, lembramos da luminária de teto. Comecei a procurar mas não encontrei nenhuma que eu gostasse e que tivesse a ver com o tema do quarto, que é marrom com rosa e borboletas. As que achei eram naquele padrão salgadinho de preço. Me recuso a pagar caro em uma luminária!

 

O que a mamãe aqui resolveu fazer? Fabricar! Nessas horas eu digo: o Google é meu mundo. Uma simples busca: “luminária + faça você mesmo” e achei o modelo que eu queria. Com passo a passo e tudo! Fiz o mesmo com o móbile e com o vasinho de flores. Google e mão na massa! E o legal é que como os materiais são baratos o custo final sai baratinho. E, além disso, com coisas para fazer, controlo melhor a minha ansiedade para a chegada da Duda.

 

 

A luminária quem fez foi o papai! Confesso que fiquei meio sem paciência. Sabe como é, barrigão, sem posição confortável, dor nas costas, essas coisas… Mas é gostoso, por que aí ele participa também e coloca o toque dele no quartinho da filha, não é?

 

Não basta ser pai, tem que participar! Começamos a fazer na segunda e ela ficou pronta hoje. Vou postar as fotos de tudo aqui para vocês verem que dá para dar um toque pessoal ao quartinho do bebê sem sair por aí gastando os tubos e sem ficar com cara de quarto improvisado.

 

 

E você, o que você fez para o quartinho do seu bebê?

 

 

Branca Andrade é jornalista e está grávida da primeira filha. Como mamãe de primeira viagem, vai escrever regularmente aqui no Do Começo. Acompanhe!