Segurança do bebê: erros comuns a evitar

Posted on Feb 25 2013 - 10:51am by cristina.castillo@pannacottagroup.com

Todo mundo que já foi mamãe sabe que uma das melhores coisas durante a gravidez é montar o quarto do bebê: ainda mais quando se é mamãe de primeira viagem, tudo o que a gente vê a gente quer comprar para deixar o cantinho dele lindo e aconchegante e nada faltar para ele se divertir à vontade.

Só que, por mais que as intenções sejam ótimas, às vezes a segurança do bebê acaba comprometida sem a família nem perceber. São pequenos detalhes que valem a pena serem observados para evitar qualquer dor de cabeça futura.

 

É muito comum, por exemplo, querer encher o bercinho do bebê com almofadas e bonecos fofinhos e peludos, só que aí mora uma armadilha bastante cruel. Quem imaginaria que aquele protetor de berço tão lindo pudesse oferecer algum risco à segurança do bebê?

 

Mais estão justamente nestes itens as causas mais comuns de sufocamento. Então quanto menos coisa no berço, melhor. Inclusive travesseiro: especialistas dizem que o bebê não precisa deles, e que são um risco quando se viram, por exemplo. Escolha berços que tenham a distância entre as grades que não permita que ele prenda pés, mãos ou dedinhos e livre-se do protetor. Ele pode entrar por baixo dele e não conseguir sair, ficando asfixiado.

 

 

 

Tudo bem, nada de paranoia também, mas deixe-se guiar pelo bom senso: já reparou que as almofadas e bichinhos de pelúcia podem servir de apoio para os pezinhos e ajuda-lo a escalar o berço, fazendo com que caia por cima da grade? Tire-as de lá, deixe-as naquele tapete gostoso que você comprou especialmente para as brincadeiras no quarto do bebê.

 

 

Lembre-se também de ajustar a altura do móbile conforme o filhote for crescendo, mas nunca os deixe a ponto dele poder pegá-los, caso contrário a segurança do bebê também pode estar em risco. Ele pode puxar o móbile até fazê-lo cair e machucá-lo ou ele mesmo pode tentar se levantar segurando no brinquedo cair feio.

Levar seu pequeno para dormir na cama com vocês é uma delícia, mas os especialistas afirmam que também não é legal: e se vocês caírem no sono e acabarem machucando-o por acidente? Melhor mesmo é fazê-lo aprender a dormir no seu próprio cantinho bem seguro o tempo todo. E a família também deve aprender a começar o ver o mundo com outros olhos. Afinal, ter filhos é um aprendizado em conjunto – e isso é que é o mais gostoso!